Um pen drive feito de papel

Os meios eletrônicos e o papel são complementares, e mais uma invenção criativa confirma isso. A empresa intelliPaper criou uma tecnologia para fazer pen drives com papel.

Primeiro, um chip é colocado entre três folhas de papel. Depois, é impresso um código que permite que a entrada USB do computador reconheça as informações do dispositivo. Após o uso, o chip pode ser retirado e o papel, reciclado.

A novidade pode ser integrada a cartões de visita ou correspondências, unindo as duas mídias e proporcionando uma comunicação completa.

Confira mais informações no site da empresa e no vídeo abaixo (em inglês):