Você conhece o quilling?

_MG_1030No último mês divulgamos uma peça na seção Como se Faz feita em quilling e muitas pessoas vieram nos perguntar sobre o tema. (Lembre clicando aqui). Por isso, preparamos um post para que você tire todas as suas dúvidas sobre a técnica de enrolar papeis. E, caso não consigamos responder todas, você pode mandar outras perguntas nos comentários que vamos atrás de todas as informações para você ☺

O quilling é uma técnica de artesanato feita com pequenas tiras de papel que são enroladas e modeladas. Os artesãos que praticam essa arte são chamados de quillers. Antigamente, eram usadas filigranas de metal mas, ao longo dos tempos, foram adaptadas para o papel.

Geralmente cortadas em 3mm, você pode encontrar essas tiras de papel prontas para o uso, mas também pode fazer a sua, na largura que preferir. A largura média é de 30 cm e a gramatura do papel pode variar de 80 a 120. “Acima disso, fica mais difícil trabalhar”, afirma a quiller Taís Santos. Além das filigranas, existem outros materiais específicos para a realização do quilling.

Confira:

– ferramenta de quilling (onde você vai prender o papel)
– ferramenta com a ponta mais longa (para fazer espirais)
– tesoura de ponta fina
– pinças com a ponta fina
– cola de ponta fina (para dar um acabamento mais bonito aos trabalhos)
– placa modeladora ou gabarito (mede o tamanho dos círculos)
– pode ser substituída pelo bolômetro
– folha de cortiça

CsF_caixa_quilling_050914-BG7Não se sabe ao certo a origem do quilling, alguns dizem que foi na China logo após a invenção do papel, outros falam que foi no Antigo Egito, no século XV. O que se sabe é que os franceses e italianos aprimoraram a técnica para decorar objetos religiosos.

Mas foi nos Estados Unidos que a técnica se popularizou. Cada vez com mais adeptos o quilling está sendo difundido e realizado por muitos artesãos aqui no Brasil também ☺

Hoje, o quilling é muito usado para decorar convites, cartões, páginas de scrapbook, caixas, molduras e o que mais você conseguir imaginar 😉

Você já conhecia essa técnica? Conte pra gente o que achou e não deixe de testar as suas habilidades manuais com os tutoriais do Como se faz!