Conheça as bibliotecas e as livrarias mais bonitas do mundo

Você se lembra da primeira vez que entrou em uma biblioteca ou em uma livraria? A emoção e a possibilidade de se perder entre as prateleiras e mergulhar nos mais diferentes tipos de história, faz com que se crie um ambiente mágico para os apaixonados por literatura.

170818_blog01

É engraçado perceber como as bibliotecas e as livrarias são planejadas e estruturadas para criar esses ambientes. Existem aqueles que buscam inspiração para escrever, os que chegam com uma história em mente e os que se entregam à essa visita de corpo e alma. Nesses lugares perdemos a noção do tempo e nos entregamos ao prazer da escrita e da leitura em sua plenitude.

Apaixonados que somos, listamos algumas bibliotecas e livrarias que estão entre as mais bonitas do Brasil e do mundo. Dê uma volta com a gente e encante-se com a beleza destes lugares. Confira:

Klementium – República Tcheca

A Klementium foi eleita pelo site Bored Panda como a biblioteca mais bonita do mundo. Construído em 1722, em Praga – na República Tcheca, o edifício conserva a arquitetura barroca e abriga cerca de 20 mil livros em seu acervo. O teto é repleto de afrescos do pintor Jan Hiebl e, por muito tempo, o ambiente era considerado como o terceiro maior colégio jesuíta do mundo.

Biblioteca do Monastério Beneditino de Admont – Áustria

170818_blog02

Com mais de 240 anos de história, a biblioteca do Monastério Beneditino de Admont, na Áustria, é a maior biblioteca monástica do mundo. São cerca de 180 mil obras, incluindo 1,4 mil manuscritos e incunábulos, além de volumes antigos e edições originais de obras raras. O local foi projetado pelo arquiteto Josep Hueber com um estilo rococó, cujo teto da cúpula tem pinturas do artista austríaco Bartolomeo Altomonte, que celebram a ciência e a fé.

Biblioteca do Congresso – Estados Unidos

170818_blog03

Construído em 1897, o edifício neoclássico “Thomas Jefferson” conserva a melhor coleção de livros raros da América do Norte, com 28 milhões de livros, mais de 50 milhões de manuscritos. Além disso, se destaca pela maior coleção de filmes, mapas, partituras e gravações de som.

Livraria El Ateneo Grand Splendid – Argentina

170818_blog04

Situado em Buenos Aires, a livraria El Ateneo, inicialmente, foi projetada pelos arquitetos Peró e Torres Armengol Glücksmann como um teatro chamado Gran Splendid. Inaugurada em maio de 1919, o edifício tem estilo eclético e apresenta afrescos no teto, pintado pelo artista italiano Nazareno Orlandi e cariátides esculpidas por Troiano Troiani.

Na época, o teatro tinha uma capacidade de cerca de 1.050 espectadores. No entanto, desde o começo dos anos 2000, seu palco e espetáculos deram lugar para a arte da literatura, tornando-se uma das principais e mais bonitas livrarias do mundo. Em 2007, vendeu mais de 700.000 livros. No ano seguinte, o The Guardian, um importante jornal britânico, classificou a El Ateneo Grand Splendid como segunda melhor livraria do mundo.

Book and Bed – Japão

170818_blog05

O Book and Bed é uma mistura de hotel e livraria em que o visitante pode dormir em estantes no meio de milhares de livros. Com unidades em Tokyo e Kyoto, a livraria-hotel reúne quase 7 mil livros em uma coleção rica de obras tanto em inglês, quanto em japonês para os hóspedes escolherem.

Biblioteca Mário de Andrade – São Paulo

170818_blog06

A Biblioteca Mário de Andrade foi fundada em 1925, passou por uma recuperação e modernização e se destaca no centro histórico de São Paulo. Com amplos e elegantes salões, possui o segundo maior acervo documental bibliográfico do Brasil, formado por inúmeras raridades.

Biblioteca Nacional – Rio de Janeiro

170818_blog07

A Biblioteca Nacional do Rio de Janeiro abriga cerca de nove milhões de livros e é considerada pela UNESCO uma das dez maiores bibliotecas nacionais do mundo. O precioso acervo, a beleza arquitetônica e as diversas atividades culturais que realiza fazem com que seja ponto de referência cultural do centro do Rio de Janeiro.