A Estante Mágica: projeto incentiva o lado escritor das crianças

Imaginação, comprometimento, talento e amor vão parar no papel e transformam crianças em autores de livros ilustrados.  

Nós adoramos aqueles temas que ressaltam o potencial criativo que existe dentro das pessoas! E não podemos negar que quando as crianças são as protagonistas isso se torna mais especial, pois elas se entregam à sua criatividade e adoram se expressar com leveza e alegria.

0510_fotos_blog_1

A Estante Mágica é uma plataforma que transforma as crianças em apaixonadas por leitura. O projeto oferece aos alunos de educação infantil e fundamental 1, ferramentas pedagógicas e incentivo para escreverem histórias que logo vão parar no papel e se transformam em livros com ilustrações. Isso mesmo, as crianças são motivadas e apoiadas para escrever e ter suas ideias publicadas!

0510_fotos_blog_2

Educação: instrumento de transformação de pessoas e da sociedade.

0510_fotos_blog_3

Trecho do livro “O Tigre e o Índio” de David Bachini

 

A Estante Mágica tem parcerias com escolas de todo o Brasil e disponibiliza acesso completo e gratuito às suas ferramentas de projetos pedagógicos. Cada instituição deve cadastrar seus alunos, escolher o plano de aula que quer aplicar em cada turma, e assim é gerado um material personalizado para a criação da história de cada pequeno autor. Com o apoio dos professores as crianças são estimuladas a criar dentro das salas de aula. Depois desse processo, os textos são transformados em livros que podem ser comprados!  

Hoje a plataforma conta com mais de três mil escolas parceiras e já apoiou mais de 250 mil pequenos escritores a soltarem a imaginação no papel. Os livros custam de R$39 a R$59 e acontece até sessão de autógrafos. <30510_fotos_blog_4Amor por leitura e educação
Por trás desse projeto especial se encontra Robson Melo, um apaixonado pela leitura e pela educação! O empresário de 32 anos criou a Estante Mágica junto ao seu sócio Pedro Concy. Os dois são advogados de profissão, mas compartilham a paixão por empreendedorismo social e a vontade de promover a educação.

0510_fotos_blog_5

A relação entre Robson e seu avô Pedro Leôncio é parte fundamental do surgimento do projeto. Entre os clientes do avô, que era marceneiro e analfabeto, estava a escritora Rachel de Queiroz (1910 – 2003), primeira mulher a entrar na Academia Brasileira de Letras.

Robson recebeu do avô o livro ‘Dora, Doralina’ autografado pela escritora e pela primeira vez leu o romance para ele. “Hoje, meu avô é o nome de uma das salas da Estante Mágica, que é para ficar claro para todo mundo que nunca mais alguém deve passar a vida sem poder ler algo que foi escrito para si.”, afirmou Robson em entrevista ao Projeto Draft.

 

Qual é a vantagem dos alunos escreverem suas próprias histórias e terem seus livros lançados?
A lista é imensa, mas podemos destacar o desenvolvimento da criatividade, autoestima, protagonismo e autoconfiança. Sem contar no orgulho que os estudantes e a família sentem ao ver o livro lançado!

O time que forma o projeto quer ir mais longe: o plano é ter 350 mil autores ainda em 2018 e até 2030 atingir um bilhão de crianças. Isso sim é espalhar o talento dos pequenos pelo mundo.

Se encantou com o projeto? Saiba mais sobre a Estante Mágica no link: www.estantemagica.com.br

Você também pode incentivar as crianças a ler e escrever mais! Tenha sempre papel Chamex por perto e coloque os pequenos para criar. Com certeza vai sair muita coisa boa!

Caso tenha se sentido motivado a incentivar a criatividade das crianças com essa história, vai adorar o nosso último Como se faz. Nele ensinamos a fazer molduras de papelão ondulado para colocar as artes dos pequenos! Veja o passo a passo aqui! <3