Curto Papel

Ela cria personagens cheios de amor, cor e alegria. Você vai se encantar!

Ternura, cores e profissionalismo andam juntos nas mãos de Fe Sponchi,
a ilustradora que faz criações infantis mágicas.

0204_fotos_blog_1

Eu sempre fui uma pessoa muito sonhadora e um pouco mística, isso acaba refletindo muito nos meus desenhos. Sou apaixonada pelo universo infantil, então crio personagens cheios de histórias imaginárias. Acredito que minhas ilustrações são pequenas doses de ludicidade e amor na vida das pessoas.

0204_fotos_blog_2

A ilustração infantil foi algo natural, no começo eu não planejei fazer materiais para esse público, mas toda vez que via livros, embalagens, vitrines, etc., pensava: é isso que quero fazer.

Eu amo muito quando vejo algum trabalho, abro um sorriso e sinto aquela vontade de apertar, rs. E assim como gosto de sentir isso, gostaria de passar essa minha fofura para os pequenos (e grandes também, por que não?) 😊

0204_fotos_blog_3

Inspiração

A natureza também é uma fonte de inspiração muito forte, a inocência do olhar dos animais me provoca sentimentos de cuidado e amor. Também sou inspirada diariamente por detalhes, pessoas e momentos que considero interessantes.

0204_fotos_blog_4

Quando começo um trabalho, respiro aquele assunto – tento sentir e me motivar com as coisas que eu vejo no dia a dia. Vou rabiscando onde eu puder. Primeiro escrevo a ideia em si… Depois faço alguns esboços no papel, e finalizo digitalmente.

0204_fotos_blog_5

Atualmente estou trabalhando em conjunto com a redatora Ana Dams. Estamos criando a Série Mutações, que ainda está em fase inicial. Trata-se uma série de livros infantis que irá convidar meninos e meninas a entender diversos temas necessários da atualidade de forma lúdica, abordando assuntos como relacionamentos abusivos, machismo, entre outros. A ideia será empoderar essas crianças para que conheçam as suas potencialidades e mudem o mundo de forma inclusiva.

0204_fotos_blog_6

 

Muita fofura sim, e muito profissionalismo também! 

Cada profissional tem seus próprios limites a serem quebrados. Para mim, um desafio é receber o devido respeito, que todo artista merece – independentemente de que tipo de arte ele crie. Muitas vezes, por desenhar temas lúdicos e fofos, você não é levada a sério, ainda mais sendo uma mulher ilustradora, que fica com esse estereótipo de só ilustrar coisas bonitinhas.

O papel e a ilustração mudaram o significado da minha vida. Acredito sinceramente que nós, criadores de imagens, temos um papel muito importante na vida das pessoas. Uma ilustração, uma mensagem, pode tocar os sentimentos e até o olhar sobre o mundo. Levo isso muito a sério, afinal, o que queremos espalhar por aí?

 

Uma dica: todos temos um grande potencial criativo, treine.

Tudo se aprende, treino é algo essencial para melhorar os seus aprendizados. Faça um exercício a diário, por mais simples que seja. E super importante: não se compare com as outras pessoas, cada um tem seu potencial diferente e único, então acredite em você mesmo!

Acompanhe o trabalho da artista aqui.

Você já segue a gente no Instagram? @adoro.papel 💙