Leitura em qualquer lugar! Conheça 4 bibliotecas inusitadas ao redor do mundo.

Seja na praia ou mesmo em uma cabine telefônica, o importante é ter livros ao alcance de todos.

O melhor lugar para guardar livros? Onde você quiser. Dentro dessa ideia, não admira que livros já estejam disponíveis em praticamente qualquer lugar. Separamos 4 bibliotecas comunitárias inusitadas para você conhecer.

Biblioteca na geladeira – Brasil

Em Porto Alegre/RS, o ator e ativista cultural Alex José dos Santos criou uma biblioteca especial. Nela, os livros não ficam em prateleiras, mas na rua, dentro de uma geladeira. Trata-se da “Geladeiroteca Bom Jesus 470”, que fica na Rua Seis da Vila Fátima Pinto, no bairro Bom Jesus, em Porto Alegre/RS. O projeto possui esse nome porque fica bem em frente ao fim da linha do ônibus que atende a região. Funciona assim: para retirar um livro, basta que o leitor retire-o da geladeira. Não há prazo para devolução, mas a ideia é que todos os livros retornem para a geladeira. Quem quiser fazer doações, pode entrar em contato diretamente com os responsáveis pelo Facebook oficial do projeto, nesse link.

geladeiroteca

Foto: Divulgação

Biblioteca em cabine telefônica – Inglaterra 

Além dos ônibus, as cabines telefônicas de Londres são verdadeiros cartões postais da cidade. Porém, com a popularização dos telefones celulares, esses pequenos espaços londrinos aos poucos vão ganhando nova cara. Uma delas é justamente uma biblioteca. A antiga cabine telefônica da esquina da Loampit Hill com a Tyrwhitt Road virou a Lewisham Micro Library. Cheia de livros, qualquer um é livre para chegar, escolher um e levar para casa, mas desde que reponha outro no lugar.

Captura de Tela 2019-12-09 às 22.00.36

Foto: divulgação

Biblioteca na praia – Bulgária

Mar e areia combinam com água de coco, sorvete, raspadinha, esteira e….livros. Nada mais gostoso que se esticar embaixo do sol e engatar uma boa leitura, não é? Pois, na Bulgária, você nem precisa lembrar de levar um livro. Localizada em Albena, em frente ao mar Negro, a Biblioteca possui 140 prateleiras com mais de 4.000 livros em mais de dez línguas. E é tudo grátis. Basta retirar e depois devolver.

praia

Foto: Divulgação

Biblioteca na árvore – EUA

Uma árvore morta dentro de um jardim foi, em um primeiro momento, motivo de tristeza para a americana Sharalee Armitage Howard. Depois, ela transformou isso em algo melhor. Dentro de sua residência, na cidade de Coeur d’Alene, em Idaho, EUA, a velha árvore ganhou nova vida: virou biblioteca. Sharalle, amante de livros, disponibilizou diversos títulos para qualquer um retirar de graça. Claro que também há a possibilidade de ler no local – que não fica mais no jardim de Sharalee, ainda que continue pertinho, na mesma cidade.

arvore

Foto: Divulgação