Colaboração e talento: conheça 4 grandes livros escritos a quatro mãos

Colaboração e talento: conheça 4 grandes livros escritos a quatro mãos

Separamos ótimos títulos feitos em parceria para você conhecer

 

Escrever ficção é uma das tarefas mais solitárias que existem. Por mais que possa existir uma equipe toda envolvendo a publicação e que também muitos autores tenham auxiliares para realizar pesquisas e entrevistas, o escritor trabalha só na hora de colocar as ideias no papel. Cada artista possui um estilo único e pessoal, além de uma ideia bem particular de como contar uma boa história. Quer dizer, na maior parte das vezes é assim. Isso porque, claro, há também casos em que o trabalho de sentar e escrever é conjunto. Mesmo não sendo o usual, grandes livros já foram criados a quatro mãos. Nós separamos para você quatro títulos de autores talentosos e que resolveram trabalhar em colaboração para criar histórias que valem a pena conhecer. 

 

1 – O terrorista elegante e outras histórias (Mia Couto e José Eduardo Águalusa)

terrorista

O moçambicano Mia Couto é um dos nomes mais celebrados da literatura atual. Não por acaso, seus livros são elogiados em todo planeta. Não menos talentoso, o angolano José Eduardo Águalusa também possui respaldo da crítica e público. Sendo assim, uma colaboração entre os dois só poderia resultar em um livro como “O terrorista elegante e outras histórias”. São três peças criadas a quatro mãos que foram adaptadas pelos dois autores em formato de contos. A edição conta ainda com ilustrações do artista brasileiro Alex Cerveny.

 

2 – Seis problemas para dom Isidro Parodi (Jorge Luis Borges e Adolfo Bioy Casares)

seisproblemas

De um lado, Jorge Luís Borges, um dos mais elogiados escritores dos últimos tempos. Do outro lado, Adolfo Bioy Casares, autor de “A Invenção de Morel”, um dos primeiros romances de ficção científica e que já recomendamos aqui no blog. Amigos e conterrâneos, Borges e Casares resolveram, enfim, colocar a amizade no papel. “Seis problemas para dom Isidro Parodi” foi o primeiro dos livros escritos em parceria pelos dois sob o pseudônimo Honorio Bustos Domecq, que pode ser entendido até como uma terceira pessoa e com estilo próprio, bem diferente dos dois escritores. 

 

3 – Série “Os Medos que Eu Tenho” (Ruth Rocha e Dora Lorch)

medos

Praticamente toda criança com acesso a livros já se deparou com algum título da autora Ruth Rocha. Escritora prolífica, ela decidiu criar em parceria com a psicóloga e também escritora Dora Lorch. A diferença aqui foi que a união de forças não resultou em um livro, mas em uma série inteira, intitulada “Os Medos que Eu Tenho”. São quatro livros em que cada um aborda um tipo de medo infantil, como em “Fantasma existe?”, o primeiro da série. As autoras, assim, propõem uma solução para cada tipo de medo, já que seu objetivo é ajudar as crianças a partir de três anos a superarem essas dificuldades.

 

4 – Good Omens (Terry Pratchett e Neil Gaiman)

goodomens

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *